sábado, 30 de maio de 2015

Assim de mansinho

 E para não agoirar: há 3 noites que durmo as noites seguidas. 3 noites!3 dnoites sem que a meio da noite oiça um "oh mãaaeeeeee". São quase 24h de sono! E mais: o piolho hoje acordou ás 7h30, eu fui- me deitar com ele e .... Tcharan adormeceu e só acordou ás 9h! Por mim tudo bem!

sexta-feira, 29 de maio de 2015

É só para avisar

Este fim de semana vou à praia. Nem que chova cães e gatos, e que faça um frio de rachar!! Já começa a chatear, então durante a semana um calorão daqueles (não me estou a queixar) e depois no fim de semana baixam as temperaturas??!! Isto é gozar com uma pessoa!

quinta-feira, 28 de maio de 2015

China: esse país de onde vêm todos os animais

"- Oh mãe, os animais veem todos da China.
- Todos não, mas muitos são de lá, como o Panda ou os Yaks. (Os livros preferidos do piolho são de animais...parecendo que não, uma pessoa vai aprendendo.)
- Não mãe, são todos: o cavalo, a iguana, a ovelha, o camelo, o leão...
-Acho que não, acho que são só alguns...
- Olha vê, está escrito China em todos"
 
Na cabeça do meu piolho, o "made in" nos animais de plástico quer dizer o local onde são originários os animais verdadeiros. Sob este ponto de vista, realmente são todos originários da China. Menos a vaca frisia lá de casa que vem do Japão.

quarta-feira, 27 de maio de 2015

O oftalmologista diz que vê bem

Na semana passada fui com o piolho ao oftalmologista. Parece que vê bem. Não há problema nenhum. Mas eu tenho as minhas duvidas...hoje de manhã disse-me: "pareces a Elsa"


Ora bem, se atendermos ao facto que eu não sou loira, não tenho o cabelo assim comprido, não tenho olhos azuis e não tenho a capacidade de fazer gelo...

(Vá, em abono do piolho, e para que não pensem que a criança está com graves problemas de visão e que eu o levo a oftalmologistas charlatões...eu tinha o cabelo todo para o mesmo lado. Deve ter sido isso...ou então o oftalmologista é um charlatão!)

É impressão minha

...ou os hotéis/apartamentos para férias este ano estão muito mais caros que nos outros anos?
Eu bem que procuro uma coisa baratinha, mas está difícil!

terça-feira, 26 de maio de 2015

Porque há dias

...que não tens paciência para aturar gente que te irrita:
Entra aqui um marmelo (que se acha a ultima bolacha do pacote, e sabe sempre tudo, e acha tem sempre razão) a dizer "É desumano andar num carro sem ar condicionado".
Minha resposta: "desumano é uma pessoa não ter o que dar de comer a um filho".
Ficou de trombas, ah porque não havia necessidade, porque foi um desabafo e eu entro a matar....
Ai, ai, paciência....

A sorte é que as vacas não voam

Todos os dias - TODOS - há um cabrão de um pássaro que faz do meu carro WC.
Eu estaciono todos os dias no mesmo sitio, à sombrinha, debaixo da arvore, e todos os dias tenho uma cagadela no tejadilho do carro.
Acho que já começa a ser pessoal....

segunda-feira, 25 de maio de 2015

Então é isto

Uma pessoa começa a pisar a linha, come um gelado hoje, umas batatas fritas amanhã...e pimba, toma á com mais 3 Kg enquanto o diabo come uma bola de Berlim!
Assim sendo vou voltar a passar fome ser rigorosa na alimentação. Sem desvios, nem desculpas. É que ontem fui à praia....e o cenário não foi bonito!
Dias de mau humor são esperados.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

"The carousel never stops turning"

Ontem foi noite de festival de choro, baba e ranho a ver o episodio 22 da temporada 11 da Anatomia de Grey ....Maldita sejas, Shonda Rhimes!!!
 
(Eu achei estranho o episodio em que o Derek bate a caçoleta...muito soft para o que é habitual. Só me caiu uma lagrimita ou duas...agora este, valha-me N.Sra. da Agrela...uma hora e tal a chorar baba e ranho...e quando acabou já estava a soluçar. Sim, sou uma Maria Chorona!)

Resultado de imagem para the carousel never stops turning

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Acabou-se

Acabou-se a Maria simpática, disponível e pronta a ajudar. Acabou-se! Acabou-se porque estou farta de ser a "parvinha", que dá a mão e lhe seguram o braço. Há pessoas que não sabem trabalhar com outras pessoas. Olham para o umbigo e o resto que se lixe. E depois quando alguém, na boa fé, dá uma ajudinha...a excepção passa a regra, e passam a responsabilidade sem que tenha sido pedida. E ainda exigem!!!Por isso, acabou-se a Maria simpática. Se estão ocupados, eu também estou. Se não têm tempo, eu também não. Se estão "aflitos"...azar.
Para c@brão, c@brão e meio...já dizia a minha avozinha.

Pela boca morre o peixe

Antes de ser mãe dizia que haviam coisas que nunca diria/faria quando fosse mãe.
Neste fim de semana, numa tentativa de convencer o piolho a comer (e já em modo desesperado) disse "olha, se não comeres temos de ir ao hospital". Foi então que percebi que eu estava com a típica conversa de mãe. Muito do que eu disse que não diria/faria, digo/faço:
  • Já limpei a bochecha dele com cuspo (clássico).
  • Para o convencer a comer já disse: a) olha que se não comeres vais para o hospital; b) come se faz favor, olha que há meninos que não têm nada para comer; c) se não comeres tudo não comes gomas durante uma semana (as gomas são a única coisa doce que ele gosta...não tenho muito por onde o chantagear); d)não comes e ficamos em casa o fim de semana todo.
  • Já disse "Não vás para aí que há bichos" (esta também não é boa, visto que ele adora bichos...).
  • Já disse o irritante "É não porque eu digo/porque eu é que mando".
  • Dou-lhe uns 20 beijos seguidos. Coisa que me chateava muito (pelos vistos também o chateia, a avaliar pelo limpar da cara com a mãe e pelo "eiii tanto beijo").
Pela boca morre o peixe...

terça-feira, 19 de maio de 2015

É simples

Como o piolho tem estado doente, não tem ido ao colégio. Tem ficado na casa dos avós. Hoje já está quase pronto para outra, mas pelo sim pelo não, ainda fica em casa. Quando o fui acordar a primeira coisa que me diz:
- Hoje vou para a escola?
- Não, ficas com a avó.
- Ainda estou doente?
- Já estás quase bom, mas hoje ficas com a avó.
- Acho que vou ficar doente para sempre.
- Então porquê?
- Para ficar sempre com a avó, claro!

Eu até o percebo...os avós fazem as vontadinhas ao menino, o almoço é "à la carte", brinca na terra, com as galinhas, salta em montes com folhas secas...entre isto e a escola, a escolha parece óbvia!

Diz que é dia do Médico de Familia

Médico de família....não tenho, nunca tive e provavelmente nunca terei. Nunca fui agraciada por tamanho luxo. E para os que agora pensam "ah mas existem aqueles médicos que só dão consulta a quem não tem médico de família". Sim...tentem lá marcar uma consulta num prazo de 6 meses! Sempre tenho a alternativa de ir às 5h para o centro de saúde! Claro que o meu piolho, segue-me as pegadas e também não tem...Solução? Pagar um seguro de saúde. Custa mas quando é preciso compensa!

segunda-feira, 18 de maio de 2015

O fim de semana

Ah o fim de semana...entre vomitados, febres, ranhos, ataques de mãezite aguda e noites sem dormir...nem sei bem por onde começar.

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Inspira....Expira....

Não bastava a odisseia de vómito noturno, para agora estar a ficar cada vez mais rouca. E surda! Quase não percebo ninguém e ninguém me percebe.
Inspira....Expira....é sexta-feira à tarde....

É nestas alturas...

...que me apercebo que lençóis e fronhas e pijamas nunca são de mais. Passei a noite a limpar vomitado e a mudar a cama do piolho.
Neste momento tenho o cheiro de vomitado impregnado no nariz. Que agradável.
 
Nota: Os homens (ou pelo menos o meu) são umas florzinhas em momentos de pânico doméstico. Não sei quem estava mais enojado: o piolho (que estava a vomitar e cheio de vomitado) ou o paizinho que estava a pegar nele. Oh valha-me Deus....

quinta-feira, 14 de maio de 2015

O video dos miudos da Figueira da Foz?

Não vi. Nem quero ver. Tenho um filho pequeno. Basta isso.

Alguém viu?

Alguém viu o camião com reboque que me atropelou durante a noite?
Não sei se é constipação, alergias ou o caraças. Só sei que desde ontem que não paro de espirrar.
Estou que não me aguento!

quarta-feira, 13 de maio de 2015

Então e se...

....de repente, existisse a hipótese de emigrar? Só isto é coisa para começarem os alarmes de pânico.
Mais, e se esse país ficar do outro lado do atlântico, e que eu nunca tive curiosidade de visitar e sempre disse que nunca iria pôr lá os pés.
E de repente há tantos "ses", tantas questões, tantas preocupações... Neste momento tenho um nó no cérebro!

terça-feira, 12 de maio de 2015

Vocação

Num mundo perfeito as pessoas deviam trabalhar na área para a qual são vocacionadas. E se isto devia ser assim no geral das profissões, seria ainda mais importante que fosse assim na área da saúde.
Eu já tive alguns episódios, como por exemplo me terem dito, assim, de "chofre" que tinha tuberculose (e depois afinal era só uma radiografia mal tirada), ou que o meu filho era autista (e depois afinal era "só" uma perturbação especifica da linguagem). Obviamente que as noticias más, quando existem, têm de ser dadas. Obviamente que existem erros de diagnóstico. Mas o que não tolero é a falta de sensibilidade. Mesmo tendo em conta que os profissionais de saúde são humanos e têm dias bons e dias maus. Mas nos dias maus, o paciente não pode pagar por isso.
Há uns tempos a minha mãe descobriu que poderá ter diabetes. Ok, não é nada de outro mundo. Há milhões de pessoas que vivem anos e anos com diabetes. Mas a primeira coisa que lhe disseram foi "também não precisa de fazer um drama, se fosse um tumor era pior". E pimenta no cú dos outros para mim é refresco! Quase parece aquela anedota do "olha, os teus pais morreram...era a brincar, afinal só morreu a tua mãe".
Acho uma falta de sensibilidade...e esta sensibilidade não se aprende. Não se ganha com estudos e notas altas. Nasce-se com ela. E a muitos profissionais de saúde o que lhes sobra em notas altas e "inteligência" falta-lhe em vocação.

Monumental

No fim de semana dei por mim a jogar à bola com o piolho e uma outra miúda, num sitio cujo chão era polido e cheio de um pó fino, que mais parecia um ring de gelo. Eu estava calçada com uns All-Star e fui a correr para apanhar a bola. De repente os meus 2 pés voam e eu dou um bate cú monumental. Os miúdos ficam a olhar para mimem choque, e só depois de eu dizer "Epá, grade queda" é que eles se começam a rir. Levantei-me como se tivesse uma mola e digo aos que viram e que se estavam a conter-se para não rir "Isto não foi nada", enquanto evitava coxear. Minutos depois a minha mão incha, eu digo logo que deve estar partida. Ninguém me liga. No dia seguinte a mão já não está inchada e já não me dói. Em contrapartida fiquei com TODOS os músculos doridos. Mesmo aqueles que eu não sabia que os tinha! E o nalguedo?? Valha-me Deus!

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Tudo a ajudar

2ª feira.
Formação sobre assuntos que não interessam ao menino Jesus.
Calor.
Fome.
Sono.
Senhora formadora que no lugar de dizer "empresa" diz "emprensa".
Senhora formadora repetiu umas 100 vezes a pseudo-palavra "emprensa", o que me irritou profundamente a ponto de me apetecer gritar "E M P R E S A".

Foi um dia espetacular.

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Sabem aquelas arvores

...que nesta altura do ano libertam uma coisa que parece algodão? Parece que houve um iluminado qualquer que achou que era boa ideia plantar centenas destas arvores aqui na zona. E hoje, com o vento, parece que é natal,tal é a quantidade de "neve"! E graças a esta "neve" tenho os olhos todos vermelhos, estou farta de espirrar e tenho uma impressão na garganta desde manhã...
Obrigadinha!

Gostos Musicais

O meu piolho sempre gostou de musica. Felizmente que já não liga muito às musicas do Panda, Caricas e afins (com excepção do cd da "Roda Mágica" que já ouvi em loop umas 1500 vezes). Gosta de musica de gente crescida. As nossas viagens de carro parecem um programa interminável dos discos pedidos. E os pedidos são os mais variados:
  • DAMA - Às vezes (don't ask)
  • PSY - Gangnam Style (me-do)
  • Bruno Mars Ft Mark Ronson - Uptown Funk
  • Pharell Williams - Happy
  • Katy Perry - Roar
  • Luisa Sobral - João
  • Boss AC - Sexta feira
  • Sensi - Não dá para fugir
  • Taylor Swift - Shake it off
  • Tiago Bettencourt - Morena
  • Queen - Don't stop me now (ou a musica do "há mais em nós")
  • Tito Paris - Dança mami crioula (!!)
  • Seu Jorge - A amiga da minha mulher
  • Trabalhadores do Comercio - Chamem a policia
  • Rui Veloso - Chico Fininho
  • UHF - Cavalos de Corrida
  • Miguel Araújo - D. Laura
Conclusão: os gostos musicais dele são uma confusão pegada.
Desde que ele não embique para os Bibers, Rihannas e Anselmos Ralphs desta vida....por mim tudo bem!

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Contem-me tudo, não me escondam nada

Também acham que os bikini "cai-cai" só ficam bem a quem não tenha mamocas acima do tamanho 36?
Eu achava que não. Depois comprei um. Depois vesti. E depois mudei a minha opinião :\

terça-feira, 5 de maio de 2015

Esta história

...de inscrevê-lo na primária está a tirar-me o sono e anos de vida. Não pela inscrição em si, até porque já testei o portal das matriculas e até ao ponto onde fui funcionou bem. O que me está a causar ulceras gástricas são as decisões que tenho de tomar (pré-escolar publica ou primária, área de residência ou outra onde ele está agora). Tenho opiniões de todos os quadrantes (médico, psicóloga, terapeuta da fala, educadora, amigos, família...) e todas elas são diferentes. Já fiz uma lista dos prós e contras de cada hipótese, mas ainda não cheguei a uma decisão final. E quando penso que já decidi, aparece qualquer coisa que me faz repensar tudo de novo.
Já me disseram que estou a sofrer por antecipação. Eu sei que estou. Eu sou assim. Imagino sempre a coisa no pior cenário (o pessimista nunca se desilude, certo?). A questão é que tenho a sensação de que qualquer que seja as opções escolhidas, nenhuma delas será a mais certa.
(Resumo do filme: lá chego a uma decisão final, e não há vagas na escola que escolhi e vai parar a uma escola, onde o judas perdeu as botas, que não está nos planos....damn)
 

Hoje

Hoje custou-me tanto, mas tanto acordar. Não foi só a preguicite habitual. Hoje o meu corpo não respondia às ordens para se levantar. Estava tão, mas tão cansada que quando cheguei à casa de banho estive uns 5 minutos sentada no chão, encostada à parede.
Não sei o que se passou. Deitei-me cedo. Dormi o habitual. Custou-me tanto.
Acho que preciso de férias. As próximas, à seria (vá uma semaninha) são em Julho. "Só" faltam 2 meses.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Sou só eu?

Começa-me a irritar solenemente a invasão (literalmente) de fotos no facebook de: gente que está a correr numa das 1600 corridas que existem em cada fim de semana, e/ou fotos de gente a "zumbar" (e esta expressão faz-me tanta urticária!)....Já deu para perceber que são pessoas saudáveis e atletas e coiso e tal. Mas é demais! Chateia!
Zumba que pariu pá!

Então mas...

Então mas voltamos ao inverno? É isso?

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Porquê? Porquêeee?

Ontem passei o dia a pensar que ia ter 3 dias para dormir até mais tarde. 3 dias!!! E lembrei-me várias vezes de desligar o alarme que está programado para despertar aos dias de semana. Claro que com a minha memória de peixe, esqueci-me. Claro que o despertador tocou á mesma hora de sempre. Claro que acordei estremunhada e demorei a conseguir desligar o despertador. Claro que o piolho acordou. Claro que começou com as perguntas habituais " já é dia? Já é para acordar? Já é Verão? (Ele anda com uma fixação pelo verão porque lhe dissemos que só no verão é que podemos tomar banho na praia e só no verão é que podemos ir á feira á noite). Claro que não dormi até mais tarde.
Tenho mais  2 dias!